Programa de Ação do Centro de Competência

Ao longo do ano letivo de 2018/2019 o Centro de Competência TIC EDUCOM pretende continuar a apostar no desenvolvimento e acompanhamento de iniciativas e projetos inovadores, bem como na formação diferenciada de professores, num modelo descentralizado e de proximidade às escolas. É também objetivo do CC TIC Educom manter e reforçar a sua presença nas redes sociais e, de forma mais coesa, em espaço próprio na Internet e na plataforma Moodle Educom, permitindo assim uma maior e mais alicerçada divulgação das atividades e dos resultados do trabalho desenvolvido.

Pretende-se igualmente dar continuidade à articulação de trabalho entre o Centro de Competência TIC EDUCOM e a ERTE/DGE do Ministério da Educação. Essa articulação prevê o acompanhamento no terreno das atividades da ERTE, nomeadamente o trabalho de proximidade às escolas, que irá desenvolver-se essencialmente por via da formação de professores, mas também pelo acompanhamento de projetos de âmbito nacional:

  • No âmbito do projeto de Autonomia e Flexibilidade Curricular (PAFC) e por solicitação DGE, a Educom colaborou na definição das Aprendizagens Essenciais para a disciplina TIC do 5.º ao 9.º ano. Na sequência deste trabalho, colaborou também com a DGE e com outros parceiros na elaboração das Orientações Curriculares TIC para o 1.º ciclo e, na sequência deste trabalho, a Educom colabora no Plano Nacional de Formação de Professores elaborado pela DGE em articulação com os CCTIC, entre os quais o CCTIC Educom no desenvolvimento de formação na modalidade de ações de curta duração, oficinas, plataforma de recursos digitais e formação online.
  • O Projeto “Teachers TryScience” é uma iniciativa da IBM, em colaboração com a ERTE/DGE/ME que pretende facultar aos professores, estratégias e recursos que promovam o ensino das ciências em sala de aula, suportados pelas tecnologias. Pretende o CCTIC Educom dar continuidade ao projeto através do desenvolvimento de formação no âmbito da temática; Para 2018-19 o Centro de Formação elaborou, em articulação com os seus parceiros IBM e DGE, e submeteu ao CCPFC proposta de oficina de formação em regime de b-learning para os docentes envolvidos no projeto.
  • O projeto “Gen10s” é uma iniciativa da SIC Esperança, em associação com Ayuda en Acción e a google.org, que visa formar alunos e professores em programação Scratch. O Instituto Politécnico de Setúbal, através do Centro de Competência TIC da sua Escola Superior de Educação, é responsável pela execução do projeto. O CC TIC EDUCOM, pela sua experiência na formação de alunos e professores na área da utilização educativa das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) e no apoio de projetos educativos com TIC, colaborou com o Centro de Competência TIC da Escola Superior de Educação na implementação do projeto GEN10S no ano letivo 2017/2018 e continua no desenvolvimento do projeto neste ano letivo; no 1.º período, o projeto será desenvolvido na Escola Secundária Ruy Luís Gomes, Laranjeiro, e na Escola Secundária D. Paio Peres Correia, Tavira.
  • O projeto “Apps For Good” tem como objetivo capacitar jovens, que frequentam escolas portuguesas na utilização de ferramentas digitais, com um propósito social e de cidadania; o Centro de Competência EDUCOM foi convidado pela ERTE/DGE para acompanhar a implementação do projeto no ano letivo de 2014/2015 e avaliar os resultados obtidos; entretanto, houve uma alteração do papel da Educom neste projeto, que passou a ser, desde 2016-17, de apoio e acompanhamento da formação presencial e de responsabilidade na coorganização das sessões a distância e, a partir de 2018-19, de organização do dossier de formação do projeto, com elaboração e submissão de oficina de formação em regime de b-learning. Além de assumir a responsabilidade da formação integrada no projeto através do Centro de Formação, a Educom dará continuidade à sua participação no desenvolvimento do projeto, nomeadamente: no acompanhamento de visitas às escolas, na preparação e desenvolvimento da formação de professores e na avaliação dos projetos a concurso;
  • A plataforma “Khan Academy” em português europeu é adaptada pela Fundação Altice (FA) e disponibiliza recursos digitais para a aprendizagem de Matemática de forma gratuita e aberta a todos os utilizadores. Nos anos letivos de 2016/2017 e 2017/2018 foi desenvolvido, em parceria FA, a DGE e EDUCOM, um projeto-piloto que decorreu em 5 Agrupamentos de Escolas da região Centro-Oeste, envolvendo 13 escolas, com c. 25 professores/ano e c. 600 alunos/ano; paralelamente, em 2017-18 o CF Educom promoveu, em parceria com a FPT, a realização de 4 oficinas de formação e 4 ACDs sobre os recursos digitais KA; para o ano letivo de 2018-19 prevê-se concretizar 5 oficinas de formação na região Centro, orientadas para a aprendizagem da Matemática com a KA e 10 ACDs em escolas a designar; as 5 oficinas previstas deverão integrar o projeto de Títulos de Impacto Social candidatado a financiamento no âmbito do concurso aberto pela Estrutura de Missão Portugal Inovação Social;
  • No que respeita ao “eTwinning”, a EDUCOM prevê a continuidade de divulgação do projeto junto das comunidades de professores/formandos, quer pela integração de módulos de formação relativas ao acesso, planificação e desenvolvimento de projetos eTwinning nos cursos desenvolvidos quer pelo acompanhamento dos professores no desenvolvimento dos projetos. Pretende, igualmente, continuar o seu envolvimento nos eventos eTwinning, sempre em articulação com o(as) embaixador(as) eTwinning da ERTE/DGE, tendo ainda o objetivo de participar na avaliação de projetos eTwinning;
  • “Seguranet – Cidadania Digital” – na sequência do trabalho realizado em anos anteriores, a Educom pretende dar continuidade à dinamização e participação nas mais variadas iniciativas em escolas onde junto de grupos de alunos, encarregados de educação e comunidade escolar apresenta e debate questões relacionadas com um uso seguro e crítico da Internet e dos computadores e demais dispositivos eletrónicos; pretende igualmente desenvolver ações de formação, na modalidade de ação de curta duração, dirigidas a docentes,
  • Concurso “Conta-nos uma história!” – a educom pretende, este ano, dar continuidade à colaboração na implementação do concurso, nomeadamente através da realização de sessões práticas de formação com professores inscritos na iniciativa e acompanhamento do desenvolvimento dos seus projetos, e, numa última fase, na avaliação dos projetos submetidos a concurso;
  • Encontro Nacional de Professores TIC@Portugal’19 – a exemplo de anos anteriores, um evento EDUCOM que tem marcado o panorama do uso educativo das TIC, promovendo a partilha de Boas Práticas; o TIC@Portugal, evoluiu a partir do pioneiro TIC@Algarve promovido em anos passados e que teve seis edições anuais; o Encontro tem dois polos EDUCOM, um na FCTUNL no Monte de Caparica e outro no Algarve, é desenvolvido à escala nacional com a colaboração de vários CCTIC, com sessões plenárias (abertura, palestra, painel de balanço e encerramento) sustentado na tecnologia profissional de videoconferência (com o apoio do Lab.eLearning da FCTUNL) e programas locais complementares. Deste modo, é objetivo da Educom, neste ano letivo de 2018/2019, reunir mais de meio milhar de professores por todo o país, promovendo a partilha das suas práticas e a reflexão sobre o uso educativo das TIC;

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.